Fonte: Albert Gea/EFE/EPA

Fórmula 1 apresenta calendário de 2021

Campeonato do mundo terá um recorde de 23 provas

 

Fonte: Albert Gea/EFE/EPA

A Liberty Media, dona da Fórmula 1, apresentou esta terça-feira o calendário do Mundial de 2021.

O grande destaque vai para o Grande Prémio da Arábia Saudita, o primeiro de sempre no país, que decorrerá no circuito citadino de Jeddah. A esta estreia, junta-se o regresso do circuito de Zandvoort, nos Países Baixos, após 36 anos de ausência, e a manutenção de Interlagos como palco do Grande Prémio do Brasil, em detrimento do Autódromo de Deodoro, ainda em construção.

Pela negativa, salientar o adiamento da confirmação do fim de semana no Vietname, uma vez que o antigo presidente da câmara de Hanoi, impulsionador do evento, foi detido por suspeitas de corrupção.

À semelhança de Istanbul Park, Imola, Mugello e Nurburgring, aos quais a Fórmula 1 recorreu em tempo de pandemia, o Autódromo Internacional do Algarve não fará parte do calendário de 2021.