Covid-19: Professores e funcionários vão ser contactados esta quarta-feira

Cerca de 78.700 professores e funcionários do pré-escolar, primeiro ciclo e da “escola a tempo inteiro” vão ser contactados, por SMS, esta quarta-feira com indicações da hora e local onde serão vacinados contra a Covid-19. De acordo com um comunicado do Ministério da Educação (ME), o processo de vacinação vai começar no próximo fim-de-semana com a vacina da AstraZeneca.

As vacinas vão ser administradas nos centros de saúde, nas escolas ou nos centros de vacinação contra a Covid-19, consoante o número de pessoas a vacinar em cada concelho. Segundo o planeamento da task force, o processo é feito em centros de saúde quando há menos de 250 pessoas a vacinar num concelho, nas escolas quando se prevê entre 250 a 500 profissionais, e nos centros de vacinação quando é necessário vacinar mais de 500 pessoas em cada concelho.

As pessoas contactadas devem responder à mensagem até quinta-feira, pois caso não o façam ou recusem, perdem a prioridade na vacinação.

O ME alertou ainda que quem não receber uma mensagem deve avisar a direção do estabelecimento de ensino onde trabalha, para que as suas informações sejam enviadas para a direção de serviços regionais e, posteriormente, seja “elaborada uma lista e enquadrada(s) a(s) situação(ões) numa futura fase de vacinação.

De acordo com a estrutura de coordenação, os profissionais dos 2º e 3º ciclo do ensino básico vão começar a ser vacinados nos dias 11 e 12 de abril e, caso seja necessário, o processo será prolongado por mais fins de semana.

No total, a task force prevê vacinar cerca de 280 mil professores e pessoal não docente desde as creches até ao ensino secundário.